Patrícia Abravanel deu um 'close errado' ao falar que ser gay não é normal? Entenda

Patrícia Abravanel deu um 'close errado' ao falar que ser gay não é normal? Entenda

A apresentadora Patrícia Abravanel, filha de Sílvio Santos, deu ontem declarações que para muitos soaram homofóbicas.

No popular quadro Jogo dos Pontinhos, Silvio Santos perguntou aos participantes se eles eram "contra ou a favor de duas mulheres se amarem como se fossem um casal"

Patrícia falou:
“Li numa revista que um terço dos jovens se relaciona com pessoas do mesmo sexo. Eu acho muito um terço, mesmo sem saber se a opção deles é real. Eles experimentam. Acho que o jovem é muito imaturo para saber o que quer. A gente tem que firmar que homem é homem e mulher é mulher. Acho que não é legal ser superliberal. E se por acaso ele tiver alguma coisa dentro dele que fale diferente, aí tudo bem. O que está acontecendo é que estão falando que tudo é bonito e o jovem acaba experimentando coisas que pode vir a se arrepender depois. Eu não sou contra o homossexualismo, MAS sou contra falar que é normal. E outra, mulher com mulher não é tão legal assim. Não tem aquele brinquedo que a gente gosta bastante.”
As palavras de Patrícia foram desrespeitosas? Ou tudo isso é como muitos dizem “mimimi”? Bem, se for analisar, são além de desrespeitosas, um tanto ignorantes. Pra começar, a questão do jovem ser imaturo é algo muito relativo, existe jovens muito mais maduros do que senhores de 50 anos de idade. 

Homem é homem e mulher é mulher, sim Patrícia, e quem discorda disso? O problema é confundir gênero feminino e masculino com sexualidade. Vamos parar de limitar o ser humano a um órgão genital?

O termo correto é homossexualidade e não homossexualismo, esse uso inadequado e preconceituoso de terminologias afetam a cidadania e a dignidade do público LGBT. Porque? Em 1973, os Estados Unidos retirou “homossexualismo” da lista dos distúrbios mentais da American Psychology Association, passando a ser usado o termo Homossexualidade. Em 1999, o Conselho Federal de Psicologia formulou a Resolução 001/99, considerando que ‘a homossexualidade não constitui doença, nem distúrbio e nem perversão’. 

Por isso, o sufixo ‘ismo’ (terminologia referente à ‘doença’) foi substituído por ‘dade’ (que remete a ‘modo de ser’). ” 

Antes que pensem: “mas então JornalISMO é doença? ” Não, esse sufixo de origem grega, exprime a ideia de:

Fenômeno linguístico

Sistema político

Religião

Doença

Esporte

Ideologia

Etc.

E por último, que pra mim foi o mais absurdo, Patrícia deixa claro que a mulher precisa de um pênis pra o sexo ser completo. Lindona, uma mulher precisa de muito mais do que um pênis para se sentir satisfeita, para muitas o pênis é o de menos, só faltou dizer que uma mulher é lésbica por falta de piroca, amiga para de dá close errado, isso sim é anormal.

Patrícia Abravanel deu um 'close errado' ao falar que ser gay não é normal? Entenda
Close errado = pagou  um mico

Patricia não foi a única que fez comentários infelizes, Carlinhos de Aguiar disse: “Não bastasse esse monte de viado, agora tem um monte de mulher colando velcro. Se elas me conhecessem, deixariam isso.”
O erro começou a partir do próprio Silvio, que inclusive pergunta a filha se tem algo na Bíblia que fala algo, estimulando assim, declarações ignorantes a respeito da vida alheia em plena TV aberta. Assista:



Opinião que ofende o outro, deixa de ser opinião e passa a ser desrespeito. Por exemplo, eu dizer que não sou contra você ter cabelo cacheado, mas sou contra achar isso normal, entendeu? Temos que ter cuidado ao falar do outro, e refletir sobre certas questões. Se colocar no lugar daquele que vai ouvir já é um bom começo.

Via: Homofobia não existe, Catraca Livre

Patrícia Abravanel deu um 'close errado' ao falar que ser gay não é normal? Entenda Patrícia Abravanel deu um 'close errado' ao falar que ser gay não é normal? Entenda Reviewed by Fala Berenice on 10:08:00 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.